Quero Educação usa mobiliário flexível para crescimento exponencial.

Sem categoria

1 Estrela2 Estrela3 Estrela4 Estrela5 Estrela (Sem Avaliações)
Loading...

O avanço das startups acontece em saltos surpreendentes. Apoiadas em tecnologia, disrupção e inovação, as empresas da nova economia crescem exponencialmente, demandando uma estrutura que acompanhe a voracidade desses negócios. Fundada em 2010, em São José dos Campos (SP), a Quero Educação é um exemplo dessa evolução acelerada. A edutech (startup do segmento de educação), já soma mais de 600 colaboradores e tem média de 50 novas contratações por mês. Para atender esse ritmo, John Richard e Quero Educação são parceiras na gestão dos workplaces da startup.

Para entender como o mobiliário flexível apoia o gerenciamento do negócio, entrevistamos Carlos Pimenta, Analista de Facilities na Quero Educação. 

JR: Por que a Quero Educação aluga móveis?

CP: A Quero é uma empresa bem dinâmica e as necessidades são sempre urgentes. O ritmo aqui é bastante acelerado e a equipe está crescendo a todo momento. Isso impacta diretamente no Facilities. Com a John Richard, os móveis sempre são entregues no prazo. Nós alugamos pela praticidade e pela confiança de ter entrega rápida, montagem, desmontagem… Tudo o que a Quero precisa.

JR: Qual o principal destaque do atendimento da John Richard?

Eu acredito que a John Richard tem uma logística muito próxima de perfeita. Tanto que no dia a dia de Facilities, com o que eu menos me preocupo são os móveis, porque quando eu precisar, eu sei que a John Richard irá me atender. 

JR: Há alguma experiência que marcou a relação John Richard e Quero Educação?

CP: Precisávamos de 200 posições de trabalho com um prazo apertadíssimo e a 1ª empresa que me veio à mente foi a John Richard. Eu falei com a equipe comercial de vocês e a locação atendeu nossa demanda com praticidade e agilidade. Aqui na Quero, nós temos posições de trabalho e salas de reunião mobiliadas com mesas e cadeiras alugadas. Além disso, os planos são de sempre contar com a locação como solução de mobiliário para o crescimento da empresa. Como as nossas perspectivas são de aumentar significativamente, o serviço de móveis é a melhor solução para acompanhar isso.

Soluções flexíveis e escalabilidade. 

Atualmente, flexibilidade e agilidade são fatores importantíssimos em inúmeras empresas. Porém, para as startups, esses atributos alcançam um nível crítico elevadíssimo, como mostrou a entrevista com Carlos Pimenta. De maneira direta e indireta, uma gestão enrijecida e morosa pode comprometer drasticamente o avanço das empresas emergentes, inclusive atrapalhando a evolução exponencial. A lógica é simples: gerenciamento inflexível não combina com crescimento acelerado. Em contrapartida, uma estrutura flexível potencializa o avanço dos negócios da nova economia.

Aliás, analisar as dinâmicas do conceito de escalabilidade facilita o entendimento aprofundado dessa relação. Ser escalável é uma característica significativa dos negócios da nova economia e também um dos entregáveis das soluções apoiadas em flexibilidade. A partir daí, a sintonia entre startups e soluções flexíveis torna-se evidente. Ter elasticidade para redimensionar a empresa de acordo com cada momento do negócio é uma das principais vantagens do mobiliário flexível para startups. Com base nisso, a parceria John Richard e Quero Educação alavanca a gestão dos workplaces da startup e firma-se como um relacionamento contínuo.

Last modified: 10 de setembro de 2019

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

14 − um =