Retrospectiva 2021: o ano da flexibilidade

Sem categoria

1 Estrela2 Estrela3 Estrela4 Estrela5 Estrela (Sem Avaliações)
Loading...

Dentre as muitas apostas desde que 2021 começou, poucas eram aquelas que davam conta de que este seria um ano ainda mais desafiador do que 2020. Manter o home office? Preparar os escritórios para a volta ao trabalho presencial? Ou aliar as virtudes dos dois mundos com o trabalho híbrido? Ao longo de todo o ano, muitas empresas passaram pela experiência de encarar esses três cenários, dependendo das circunstâncias do momento.

Por isso, nosso modelo de negócio e nossos móveis como serviço foram tão ou ainda mais presentes para os nossos clientes. Como dissemos, a palavra do ano foi, mais do que nunca, flexibilidade. A capacidade de se adaptar rapidamente a diferentes modelos de trabalho foi um diferencial competitivo que fez a diferença nos resultados de muitas organizações.

Vamos ver como isso se deu na prática ao longo do ano?

A consolidação do home office

Após um final de 2020 em que as empresas se permitiram pensar em, gradualmente, retomar o trabalho presencial, 2021 começou com uma puxada de freio: a chegada da segunda onda da pandemia. O home office, então, deixou de ser emergencial para se tornar definitivo. Inúmeras pesquisas mostraram como a adesão qualitativa a este modelo de trabalho estava impactando positivamente a vida não só das empresas, mas dos próprios colaboradores.

O momento foi de incorporar o trabalho em casa à rotina do dia-a-dia das organizações, não só para prevenir problemas de saúde e ergonomia dos times, mas também para reter e atrair talentos oferecendo o home office como um benefício. A assinatura de móveis para home office Work.In se tornou uma das alternativas mais atraentes para viabilizar essa iniciativa de maneira rápida, prática e econômica.

Nos primeiros meses do ano, dezenas de empresas fizeram suas assinaturas de móveis conosco, em uma retomada muito forte do movimento iniciado em 2020, quando fomos destaque na imprensa escrita e televisiva, no Jornal Nacional da Rede Globo. Mas o ano ainda reservava muitas mudanças nos modelos de trabalho.

Um momento de transição: o trabalho híbrido

Um dos nossos maiores diferenciais – e que nos faz continuarmos líderes em um mercado bastante competitivo já há mais de 20 anos – é termos um departamento de Inteligência de Vendas cujo papel é mapear as tendências do mercado para antecipar a criação de soluções que possam ajudar nossos clientes. Por isso, quando o termo “trabalho híbrido” começou a aparecer nas conversas do mundo corporativo, nós já estávamos preparados para atender à nova demanda. Em janeiro, por exemplo, já estávamos falando em trabalho híbrido.

Aumentamos nosso acervo com móveis adequados para preservar o distanciamento social e adotamos de vez o conceito de assinatura de móveis como uma das modalidades do mobiliário como serviço. Empresas de diversos portes encontraram, nas nossas duas assinaturas (para home office, com o Work.In, e para escritórios), respostas às suas necessidades de flexibilidade e adaptabilidade à flutuação dos times ao longo do ano.

A volta aos escritórios: o trabalho presencial

No segundo semestre deste ano, começaram as sinalizações de que uma retomada aos escritórios estava nos planos de empresas por todo o país. Já em setembro, o aumento das locações de imóveis comerciais, especialmente no setor de serviços, superava os resultados pré-pandemia. E essa retomada passava por uma reavaliação do papel dos escritórios, agora com um propósito maior de integração dos times e de preservação da cultura das empresas, com preocupação extra em relação à saúde dos colaboradores.

Com isso, o retrofit tornou-se uma tendência e nossa assinatura de móveis corporativos veio complementar as mudanças arquitetônicas e estruturais dos ambientes de trabalho. A crescente demanda nesta frente aqui na John Richard já nos indica que o fenômeno deve perdurar em 2022, à medida em que mais e mais empresas forem implementando este movimento de retorno ao espaço corporativo. Se você precisar de ajuda no planejamento do seu escritório, fale com um dos nossos especialistas através dos nossos canais de contato ou pelo WhatsApp

Conclusão

Os desafios de 2021 foram grandes, mas não nos impediram em nenhum momento de oferecer novos produtos e desenvolver soluções para os nossos clientes. Pelo contrário: eles foram os motores que alimentaram ainda mais o nosso compromisso de mobiliarmos com alma, um dos nossos principais pilares. Nada disso seria possível sem a parceria de toda a nossa rede de relacionamento.

Por isso, não poderíamos deixar de agradecer aos nossos talentos e parceiros por fazerem deste ano mais um sucesso. Podemos, juntos, nos orgulhar do que conquistamos em tempos tão difíceis.

E não há como não deixarmos nosso muito obrigado, especialmente aos clientes que fizeram parte da história da John Richard este ano. A confiança de vocês na nossa marca e no modelo de assinatura de móveis fez com que, apesar de todos os desafios, conseguíssemos sempre mudar com você.

Em 2022, pode ter certeza que, ainda que tudo mude o tempo todo, uma constante nunca será diferente: estaremos aqui sempre que você precisar.

Um ótimo 2022 para vocês, nossos parceiros e amigos!

Last modified: 21 de dezembro de 2021

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

oito − dois =